semi OIKOS | ATIVIDADES E MATERIAIS OIKOS - Cooperação e Desenvolvimento menu menu

PROMOTOR

ORGANISMO INTERMÉDIO DE GESTÃO

OIKOS - Cooperação e Desenvolvimento CIG - Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género

PROJETOS

FINANCIADOS POR

Projetos (es)forçadas e (des)iguais e mãos (re)forçadas POPH - Programa Operacional Potencial Humano QREN - Quadro de Referência Estratégico Nacional Governo da República Portuguesa União Europeia - Fundo Social Europeu

PROJETO

COFINANCIADO POR

menu

III
ATIVIDADES E MATERIAIS


MATERIAIS [IN]FORMATIVOS


I Um dos objetivos essenciais da intervenção promovida no âmbito dos projetos OIKOS contra o Tráfico de Seres Humanos e a Exploração Laboral passa pela produção e divulgação de material [in]formativo para a difusão destas problemáticas.

Kit Pedagógico


mochila

Kit Pedagógico "Tráfico de Seres Humanos e Exploração Laboral – Estratégias de [In]formação, Sensibilização, Prevenção e Combate em Contexto Escolar".
Conjunto de recursos e ferramentas concebidos para aplicação em contexto escolar, em especial no ensino de nível secundário, possibilitando aos seus utilizadores o desenvolvimento de processos [in]formativos suportados em instrumentos de qualidade técnica e pedagógica.
Está disponível para descarregamento gratuito, tendo sido também editado em papel. Integra os seguintes materiais: Manual; Fichas de Atividades e Tabuleiro de Jogo.

Foi testado e validado com o apoio de vários docentes e inclui um capítulo especificamente dedicado a boas práticas de aplicação recolhidas junto de diversas entidades educativas. 


Réguas e Mochilas Informativas


mochila

Recursos físicos concebidos para distribuição às/aos participantes nas ações de sensibilização presenciais. Contêm informações gerais sobre o fenómeno do tráfico de Seres Humanos, estratégias de prevenção e operacionalização de uma procura de emprego segura e de um processo emigratório informado e protegido e mecanismos de denúncia.


Fanzines sobre Tráfico de Seres Humanos


mochila

Fanzine de Teatro Comunitário
Fanzine de Escrita Criativa
Fanzine de Artes Visuais


Recursos físicos resultantes das oficinas temáticas que foram desenvolvidas, no decurso do ano letivo de 2013/2014, junto de jovens estudantes do ensino secundário. Estão disponíveis para descarregamento gratuito, tendo sido também editados em papel. No fanzine nº 1 – Teatro Comunitário, edita-se a peça “Saber Dizer Sim, Saber Dizer Não”, construída e apresentada ao público pelos participantes na 1ª oficina de teatro OIKOS contra o TSH. No fanzine nº 2 – Escrita Criativa, editam-se os textos elaborados pelos alunos no decurso da oficina de escrita. No fanzine nº 3 – Artes Visuais, apresentam-se as obras que compuseram a exposição “Penumbra”, construída pelos participantes na 1ª oficina de artes visuais OIKOS contra o TSH.


Roteiro


roteiro

Roteiro "TSH e Exploração Laboral: Estratégias de
(In)formação, Sensibilização e Combate em Contexto Associativo
".
Recurso técnico pedagógico produzido em dezembro de 2018 no âmbito do projeto “(In)Forma-te Sobre o Tráfico de Seres Humanos e a Exploração Laboral”.
É especialmente dirigido a organizações da sociedade civil que trabalham com jovens, nomeadamente associações juvenis (técnicas/os, monitoras/es, associadas/os, dirigentes, entre outras/os).
Tem como principal objetivo partilhar boas práticas ao nível da prevenção do Tráfico de Seres Humanos e exploração laboral, que possam ser replicadas ou adaptadas por outras organizações, reforçando a capacidade de intervenção social dessas organizações/ associações juvenis.
Apresenta e descreve 4 propostas de trabalho ao nível da informação, sensibilização e prevenção do TSH e exploração laboral, sob a forma de Oficinas de Expressão Artística: Oficina de Artes gráficas, Oficina de Arte urbana, Oficina vídeo e multimédia e Oficina de Expressão dramática.


menu

III
ATIVIDADES E MATERIAIS


WORKSHOPS


I Os workshops pretendem constituir-se como momentos de cariz formativo dirigidos a populações específicas que, sobretudo pelo seu enquadramento profissional, se consideram estratégicas para esta problemática, designadamente no que concerne aos objetivos de transmissão e multiplicação da mensagem de prevenção e combate ao tráfico de seres humanos, bem como para as funções de reconhecimento, identificação, denúncia e encaminhamento de potenciais vítimas de tráfico.
Tendo em consideração a tipologia profissional e funcional das população alvo desta atividade, ela tem vindo a realizar-se em diferentes contextos, de acordo com as especificidades dos projetos desenvolvidos a cada momento:

Contexto Ação e Intervenção Social

Destinatários: Autarcas, Dirigentes e Técnicos Sociais
(Atividade finda)

Contexto Empresarial

Destinatários: Dirigentes e técnicos de associações empresariais, Dirigentes e Técnicos de sindicatos e comissões de trabalhadores, Empresários.
(Atividade finda)

Contexto Educativo

Destinatários: Professores, Formadores e outros profissionais com funções educativas e/ou formativas
(Atividade finda)

Contexto Associativo

Destinatários: Dirigentes e Membros de associações da sociedade civil
(Atividade finda)



menu

III
ATIVIDADES E MATERIAIS


ATIVIDADES DE SENSIBILIZAÇÃO

Ações de sensibilização


I As ações de sensibilização constituem ocasiões de contacto presencial com os destinatários diretos da intervenção, isto é, as vítimas e, sobretudo, as potenciais vítimas de tráfico de seres humanos e exploração laboral. O objetivo destes momentos passa por transmitir informação sobre o fenómeno do tráfico de seres humanos, conhecimentos sobre estratégias de prevenção e mecanismos de denúncia.
Ações semelhantes às dinamizadas pela equipa OIKOS podem continuar a ser desenvolvidas de forma autónoma pelos profissionais que participaram nos workshops formativos, nomeadamente com recurso aos materiais de apoio facultados, como é o caso do Kit Pedagógico "Tráfico de Seres Humanos e Exploração Laboral – Estratégias de [In]formação, Sensibilização, Prevenção e Combate em Contexto Escolar".

Contexto Ação e Intervenção Social

Destinatários: jovens à procura do 1º emprego, desempregados à procura de novo emprego, beneficiários de rendimento social de inserção, consumidores de drogas, trabalhadores sexuais, emigrantes, imigrantes, sem-abrigo, etc.
(Atividade finda)

Contexto Educativo

Destinatários: alunos, formandos, encarregados de educação e seus familiares.
(Atividade finda)

Contexto Associativo

Destinatários: membros e voluntários de associações da sociedade civil
(Atividade finda)


Campanhas de sensibilização


I As campanhas de sensibilização são ferramentas fundamentais à promoção e difusão de informação sobre o tráfico de seres humanos e exploração laboral. Ao mesmo tempo que permitem potenciar o aumento de conhecimentos sobre esta temática, estas atividades reforçam o papel ativo de todos os intervenientes ao nível da prevenção e combate dos fenómenos do tráfico e exploração laboral, constituindo-se como momentos de mobilização e ativismos locais em torno desta causa. Campanhas semelhantes às que foram organizadas pela equipa da Oikos podem continuar a ser desenvolvidas de forma autónoma em diversos agrupamentos de escolas, por docentes e alunos, nomeadamente com recurso aos materiais de apoio facultados, como é o caso do Kit Pedagógico "Tráfico de Seres Humanos e Exploração Laboral – Estratégias de [In]formação, Sensibilização, Prevenção e Combate em Contexto Escolar".

Com o objetivo de assinalar o dia Europeu contra o Tráfico de Seres Humanos (18 de outubro), informar e sensibilizar a comunidade escolar para estes fenómenos, a Oikos realizou em outubro de 2018, no âmbito do projeto “Informa-te contra o Tráfico de Seres Humanos e Exploração Laboral” a campanha “Escolas unidas contra o TSH”. Esta campanha contou com a adesão de 45 estabelecimentos de ensino do Distrito de Braga que no dia 18 de outubro realizaram em simultâneo atividades sobre a temática. Em todas as escolas foram afixados cartazes alusivos ao tráfico / exploração laboral, distribuídas mochilas informativas pelos alunos e disponibilizados kits pedagógicos e DVDs com conteúdos sobre a temática que permitiram aos docentes a realização de aulas e dinâmicas de grupo / atividades temáticas. Todo o material foi disponibilizado pela Oikos que mobilizou as escolas para a realização autónoma das atividades em contexto escolar.

Contexto Educativo

Destinatários: docentes, alunos e restante comunidade escolar.
(Atividade finda)



menu

III
ATIVIDADES E MATERIAIS


EXPOSIÇÃO ITINERANTE


I Com o objetivo de reforçar o impacto das ações de sensibilização e visando um público mais vasto, a OIKOS apresentou, em 2014, a exposição itinerante "Mãos (es)Forçadas", sobre exploração laboral, migrações e tráfico de seres humanos.

(Atividade finda)

menu

III
ATIVIDADES E MATERIAIS


OFICINAS DE EXPRESSÃO CRIATIVA


I Tendo em vista a capacitação dos seus participantes para a intervenção no espaço público, sobre a problemática do tráfico, discriminação e exploração laboral, através da arte, a OIKOS, no âmbito dos projetos que desenvolve, tem promovido oficinas temáticas de expressão criativa:

2013/2014

- Escrita Criativa (Atividade finda);
- Teatro Comunitário (Atividade finda);
- Artes Visuais (Atividade finda);

 

2017/2018
- Artes Gráficas (Atividade finda);

- Arte Multimédia (Atividade finda);
- Arte Urbana (Atividade finda);

- Arte Dramática (Atividade finda).


menu

III
ATIVIDADES E MATERIAIS


CICLO DE CINEMA


I Com o objetivo de informar e sensibilizar o público em geral para as questões do tráfico de pessoas e da exploração e abuso de vulnerabilidade que lhes são inerentes, a OIKOS organizou, em 2014, com o apoio do Estaleiro Cultural Velha-a-Branca, em Braga, o Ciclo de Cinema “Cativeiros”, que integrou 5 filmes, exibidos ao longo de 5 semanas.
(Atividade finda)

menu

III
ATIVIDADES E MATERIAIS


SEMINÁRIOS TEMÁTICOS


I Assinalando o encerramento formal da intervenção que levou a cabo, nos últimos anos, contra o fenómeno do tráfico humano, a delegação Norte da OIKOS organizou em junho 2014, em Braga, um Seminário Temático especialmente dedicado às novas formas de tráfico de pessoas que se associam à vitimização de crianças, como a mendicidade e a exploração de atividades criminosas, “Novos Desafios do Tráfico Humano: Exploração na Mendicidade e Coação para a Prática de Delitos – Reconhecer e Intervir”.
Em dezembro de 2018, a título de encerramento
formal do projeto “(In)Forma-te sobre o Tráfico de Seres Humanos e exploração laboral”, a delegação Norte da Oikos organizou e dinamizou o seminário “Tráfico de Seres Humanos em Portugal: Prevenção, investigação e intervenção”.