De 2006 a Abril de 2009, a iniciativa para Terras Comunitárias (iTC) foi um projecto financiado por um grupo de seis doadores europeus, liderados pelo Departamento Internacional para o Desenvolvimento do Reino Unido (DfID), cobrindo as províncias de Gaza, Manica e Cabo Delgado.  Entre 2009 e 2013 a sua área de cobertura expandiu para as províncias de Niassa, Nampula e Zambézia, com o financiamento do Millennium Challenge Corporation dos Estados Unidos. Desde 2013 a iTC cobre todo o país com excepção de Maputo e Inhambane. No período de Maio a Dezembro de 2014, ainda com os mesmos doadores, a iTC está numa fase de transição para se transformar em Fundaçãoiniciativa para Terras Comunitárias (iTC-F). O principal objectivo da iniciativa é de proteger os direitos das comunidades rurais sobre a terra e promover o uso sustentável de recursos naturais, como contribuição para redução da pobreza e promoção de desenvolvimento económico no país.


Beneficiários: 334 agricutores e as suas famílias, cerca de 2338 pessoas

Data de início: Maio. 2012

Data de fim: Dez. 2013