Área Reservada
  • Português

Instituições públicas e Organizações Sociais hondurenhas assinam um acordo para proteger as populações mais vulneráveis

Segunda, 25 Abril 2022 16:56

Versão em espanhol


A Oikos assinou um convénio de cooperação externa com a Comissão Nacional de Direitos Humanos das Honduras, Mecanismo Nacional de Prevenção à Tortura e o Instituto Nacional de Atendimento a Menores para proteger pessoas em situação de vulnerabilidade.

O objetivo é formar uma aliança estratégica entre instituições, para contribuir na elaboração e divulgação de processos que promovam o respeito dos Direitos Humanos de mulheres, crianças, pessoas com HIV, pessoas com deficiência, população LGBTIQ+ e pessoas privadas de liberdade.

 

Principais pontos a trabalhar em conjunto são:

  • Campanhas de informação e sensibilização sobre tratamento de reclamações e orientações sobre questões humanitárias.
  • Estabelecimento de protocolo de atendimento, com abordagem diferenciada, para atendimento de grupos em condição mais vulnerável.

A Oikos assina este acordo em representação do projeto "Inclusão, governança e restituição de direitos para todos", que conta com o co-financiamento da União Europeia e o compromisso das cinco Organizações que o colocam em prática.

O projeto é executado pela Oikos em parceria com Passionista Serviço Social (SSPAS) e Associação Coletiva de Mulheres para o Desenvolvimento Local (CFDL), de El Salvador, Centro de Desenvolvimento e Cooperação LGTBI (-SOMOS CDC-) e Centro de Estudos da Mulher-Honduras (CEM-H). 

 

Queremos igualdade de justiça através da proibição e prevenção da tortura e outros maus-tratos e a restituição dos direitos das pessoas mais vulneráveis das Honduras e El Salvador.

 

 

Firma de Convenio CONADEH

 

WhatsApp Image 2022-04-21 at 3.06.45 PM 3

 

WhatsApp Image 2022-04-21 at 3.06.45 PM 5

 

Consulte o Projecto:

Financiadores