Área Reservada
  • Português

Campanhas de sensibilização escolares sobre direitos humanos

Quinta, 11 Agosto 2022 10:05

Está em curso, na Delegação Norte da Oikos, o projeto Humaniz(Arte), cujo propósito é reforçar o conhecimento e papel ativo da sociedade civil do distrito de Braga, na promoção da Cidadania e Direitos Humanos

No âmbito deste projeto estão a ser dinamizadas, em várias escolas do Distrito de Braga, Campanhas de Sensibilização escolares sobre Direitos Humanos.

Estas campanhas são dinamizadas com base em materiais de sensibilização produzidos pelos próprios alunos - microfilmes documentais, cartazes e folhetos alusivos aos Direitos Humanos - assim como através da realização, no espaço das escolas, de Eventos de lançamento das campanhas. Através destas iniciativas os alunos participam ativamente em processos de informação e consciencialização pública sobre a temática, alertando a comunidade educativa e a sociedade civil para uma série de problemáticas que os preocupam e sobre a importância de promover e defender os Direitos Humanos.

 

Até final de junho 2022 foram dinamizadas 3 Campanhas:

 

O Agrupamento de Escolas Padre Benjamim Salgado (Vila Nova de Famalicão), tendo como mote a celebração do “Dia Mundial da Diversidade Cultural para o Diálogo e o Desenvolvimento”, realizou em contexto escolar um Evento de Lançamento da Campanha no dia 23 de Maio de 2022. Foram afixados na escola 3 cartazes de sensibilização sobre o “Dia Mundial da Diversidade Cultural para o Diálogo e o Desenvolvimento”, a “Diversidade” e a “Exploração do Trabalho infantil”, apresentado publicamente 1 microfilme documental sobre Trabalho infantil e distribuído 1 folheto informativo sobre a mesma temática pela comunidade escolar.

 

O Agrupamento de Escolas D. Maria II (Braga) dinamizou o Evento de Lançamento de Campanha no dia 1 de Junho. Foram afixados pela escola diferentes cartazes sobre as temáticas “Violência doméstica”, “Liberdade de Pensamento e Expressão” e “Tráfico de Seres Humanos”, alertando a comunidade escolar para a importância da promoção dos Direitos Humanos. Foi distribuído 1 folheto com informação sobre a Campanha e apresentados à comunidade escolar 2 microfilmes produzidos pelos alunos sobre as temáticas “Violência no namoro” e “liberdade ao nível da orientação sexual” – estes vídeos não serão disponibilizados online pelo facto de a Escola, por motivos de privacidade dos alunos, não autorizar.

 

O Agrupamento de Escolas Francisco de Holanda (Guimarães) realizou um Evento de lançamento da Campanha dirigido a alunos e professores no dia 9 de junho. Foram afixados na escola 6 cartazes de sensibilização diferentes com mensagens e sensibilização sobre “Direitos Humanos”,”Bullying”, “Desigualdade de género”, “Violência no namoro”, “Racismo” e “Tráfico de Seres Humanos”. Durante o evento foram apresentados publicamente 6 microfilmes documentais sobre Direitos Humanos (consciencialização sobre as problemáticas “Bullying”, “Desigualdade de género”, “Violência no namoro” e “Tráfico de Seres Humanos”) e distribuídos pela comunidade escolar 7 folhetos informativos. Mais campanhas sobre Direitos Humanos serão dinamizadas no ano letivo 2022/2023, através do envolvimento de diversas escolas do distrito de Braga e da intervenção ativa de alunos e professores.

 

 

Em breve, mais novidades!

 
 

 

 ProgramaCidadaosAtivos2 copy

O projeto Humaniz(Arte) é financiado pelo Programa Cidadãos Ativ@s - Active Citizens Fund/EEA Grants (Islândia, Liechtenstein e Noruega) e gerido pelo Consórcio Fundação Calouste Gulbenkian e Fundação Bissaya Barreto.

Consulte o Projecto:

  • 1a60 Humaniz(Arte)

    Trabalhar o tema dos Direitos Humanos em contexto escolar e associativo juvenil com recurso preferencial a metodologias ativas/participativas e de Educação pela arte.