Área Reservada
Eventos
Calendário de Eventos help
Mês anterior Dia anterior Próximo Dia Próximo Mês
Ver por Ano Ver por Mês Ver por Semana Veja Hoje Buscar Ir para um Mês
"O Meu Brinquedo - A Criatividade da Criança Africana" na Quinzena Cultural de Alcáçovas
De Sexta-feira, 10 Junho 2011
Para Domingo, 19 Junho 2011

A exposição da Oikos "O Meu Brinquedo - A Criatividade da Criança Africana" marcou presença na Quinzena Cultural de Alcáçovas que aconteceu de 10 a 19 de Junho de 2011.


A iniciativa foi um sucesso e a exposição contou com cerca de 1.100 visitantes.

 

A exposição "O Meu Brinquedo - A Criatividade da Criança Africana" é uma mostra de brinquedos feitos por crianças em condições adversas e em vários países africanos destinada a crianças do pré-escolar, 1º e 2º ciclos do Ensino Básico.

Composta por 76 brinquedos originais construídos por crianças africanas, é fruto da colaboração entre Organizações Não Governamentais de cinco países europeus: Espanha (Intermón), França (Aliança das Uniões Cristãs de Juventude), Grécia (Salvai as Crianças), Itália (L.V.I.A.) e Portugal (Oikos - Cooperação e Desenvolvimento).

Foi adquirida pela Oikos com o intuito de a dar a conhecer às nossas crianças e adultos para que possam ter oportunidade de os admirar e de reflectir.

Apresentada desde 1992 em vários locais do país, já foi vista por algumas milhares de crianças. Para requsições, por favor contacte a Oikos.

alt

No âmbito da visita a esta exposição, uma das visitantes enviou-nos o seguinte testemunho.

"Sou uma estudante da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra e pertenço ao Coro Misto da Universidade de Coimbra, que é um organismo autónomo da Associação Académica de Coimbra, criado em 1956 para que a mulher tivesse um papel mais activo nas actividades da Academia. Ontem (11 de Junho) fomos actuar a Alcáçovas e eis que, quando entramos num pavilhão de exposições, me deparo com uma exposição da vossa* associação com imensas construções daqueles meninos de longe, pobres, mas tão doces, que só vendo o que eles fazem (tão bem e com tão pouco) dá vontade de pegar e levar aquelas construções connosco! Quero, desde já, felicitá-los pela Oikos. É fundamental existirem associações desta natureza e com objectivos tão nobres. Sou uma pessoa dedicada a este tipo de acções (digo até que está inscrito no meu código genético!). Ajudo quando posso e até quando não posso. Adorava poder conhecer essas famílias, esse universo de pessoas que tanto carecem da nossa ajuda, da ajuda de TODOS. No fim é tão bom recebermos um SORRISO (e nada mais!) como gratidão pelo nosso trabalho, esforço e sobretudo espírito de ajuda e colaboração. Não digo que todos nós devêssemos ir directamente ter com essas pessoas, mas um simples gesto, uma simples palavra, fará a diferença e de certeza, que nos iremos sentir muito melhor. Por isso, digo para que todos saibam: até o nosso vizinho pode precisar de ajuda! Devemos deixar-nos de hipocrisias, mentiras, orgulhos, teimosias, despirmo-nos de preconceitos e mostrar que temos bom coração, que somos capazes de fazer a DIFERENÇA. O sorriso dos outros faz o nosso sorriso! Espero que continuem a fazer um óptimo trabalho. Atenciosamente de quem não deixará de vos acompanhar." Soraia Camacho

 
Consulte aqui algumas fotografias da exposição | Mais sobre a Exposição

Voltar