Área Reservada
Erro
  • JUser::_load: Unable to load user with id: 62

Segunda, 11 Julho 2011 16:55

Alma Mater Studiorum

 ALMA MATER STUDIORUM - Università di Bologna

É a universidade mais antiga do mundo ocidental, ainda em funcionamento, tendo sido fundada em 1088. Conta com cerca de 100.000 alunos em suas 23 faculdades, desenvolvendo projectos de pesquisa em diversas temáticas do conhecimento.

 

 

 

Quarta, 06 Julho 2011 16:53

Principais Financiadores

setinha  Comissão Europeia


A Comissão Europeia é a instituição que politicamente representa e defende os interesses da União Europeia (UE) na sua globalidade.

Propõe além da legislação, política e programas de acção e é responsável por aplicar as decisões do Parlamento Europeu (PE) e o Conselho da União Europeia (CUE).   Ler Mais

Bandeira UE

 

 

DG ECHO

A DG ECHO assegura o financiamento e a coordenação de operações de ajuda humanitária.

 

Novo logoECHO2012_PT_menor

 

 

DG do Desenvolvimento e da Cooperação EuropeAid

A Direcção-Geral do Desenvolvimento e da Cooperação EuropeAid é responsável pela concepção da política de desenvolvimento da UE e pela prestação de ajuda em todo o mundo através de programas e projectos.




logocamoes

 

setinha  Camões - Instituto da Cooperação e da Língua, I. P.

Desde 2012, foram integradas nas atribuições do então Instituto Camões (criado em 1929), as responsabilidades no domínio da cooperação para o desenvolvimento portuguesa, no sentido de propor e executar a política de cooperação portuguesa em substituição do IPAD - Instituto Português de Apoio ao Desenvolvimento, organismo até então responsável por estas funções.

Quinta, 26 Maio 2011 14:41

A nossa Estrutura

A Oikos é uma Associação e, como tal, é governada pela Assembleia Geral e pelos estatutos por ela definidos. A Assembleia elege por mandatos de 3 anos os órgãos sociais: Mesa da Assembleia Geral, Conselho Directivo e Comissão Fiscalizadora.

Ler Mais  

Quinta, 26 Maio 2011 14:40

Visão, Missão e Ambição

Acreditamos num mundo sem pobreza e injustiça onde o desenvolvimento humano seja equitativo e sustentável à escala local e global.

Ler Mais

Quinta, 26 Maio 2011 14:39

Os nossos Valores

Equidade . Liberdade e liderança . Solidariedade . Responsabilidade . Conhecimento e inovação . Transparência e accountability

Ler Mais

Quinta, 26 Maio 2011 14:38

A nossa História

Fundada em 23 de Fevereiro de 1988, em Portugal, a Oikos – Cooperação e Desenvolvimento é uma associação sem fins lucrativos, reconhecida internacionalmente como Organização Não-Governamental para o Desenvolvimento (ONGD/INGO). 
Somos uma associação ecuménica, no sentido universal, enquanto nos aliamos ao esforço de quantos, pessoas e instituições, partilham a visão de um mundo sem pobreza e injustiça, onde o desenvolvimento humano seja equitativo e sustentável à escala local e global.

Ler Mais

Quinta, 26 Maio 2011 14:35

Quem somos

A Oikos – Cooperação e Desenvolvimento é uma Organização Não Governamental para o Desenvolvimento portuguesa, voltada para o Mundo. Por isso trabalhamos com as comunidades e regiões de países mais pobres, independentemente da sua localização geográfica.
 Desde a Emergência ao Desenvolvimento, até à Educação, Mobilização Social e Influência Pública, o trabalho da Oikos estende-se atualmente por Costa Rica, Cuba, El Salvador, Guatemala, Honduras, Moçambique, Nicarágua, Peru e Portugal.

Ler Mais

Quinta, 26 Maio 2011 11:28

Visão, Missão e Ambição

Esta é a nossa visão
Um mundo sem pobreza e injustiça onde o desenvolvimento humano seja equitativo e sustentável à escala local e global.

Assumimos como missão

Erradicar a pobreza e reduzir as assimetrias económicas e de conhecimento, através do envolvimento e corresponsabilização dos actores sociais e do desenvolvimento de soluções sustentáveis, para que todas as pessoas usufruam do direito a uma vida digna.

Temos por ambição

Sermos reconhecidos como uma organização internacional líder no desenvolvimento de soluções sustentáveis para a erradicação da pobreza.

A nossa actividade em projectos de Acção Humanitária, promoção de Vida Sustentável e Educação para a Cidadania Global soma mais de 380.000 beneficiários por ano.

Quinta, 26 Maio 2011 11:28

Os nossos Valores

Estes são os valores que partilhamos

Equidade

O desenvolvimento sustentável implica um equilíbrio nas oportunidades e condições que possibilitam uma vida digna a todas as pessoas, numa mesma geração (equidade intra-geracional) e entre gerações (equidade inter-geracional), independentemente da sua nacionalidade, etnia, credo, género, filiação política, condição física, social, económica ou cultural.

Promovemos a equidade social, económica, cultural e de género como condições vitais para a afirmação dos direitos humanos das gerações presentes e futuras.

Liberdade e liderança
A promoção responsável do desenvolvimento pressupõe que os povos sejam protagonistas, autónomos e livres, com capacidade para influenciarem os poderes instituídos.
Somos um espaço aberto aos valores, aspirações e iniciativas dos povos, independentemente de quaisquer instituições políticas, financeiras ou religiosas, sendo prioritário para o seu sucesso a formação e o empreendedorismo das organizações e dos líderes das comunidades locais.

Solidariedade
A cooperação para o desenvolvimento humano sustentável não é uma obrigação exclusiva dos estados, mas um direito e um dever da sociedade civil.
Mobilizamos os cidadãos solidários para a construção de um mundo melhor.

Responsabilidade
O exercício da cidadania global passa pelo reconhecimento de que os povos estão cada vez mais interdependentes. À escala global os governos, as empresas, a sociedade civil organizada e os cidadãos devem assumir a responsabilidade e os custos do impacto que os seus padrões de produção e consumo têm no planeta.
Possibilitamos aos cidadãos assumirem o seu compromisso ético de promoção do desenvolvimento humano e sustentável à escala local e global.

Conhecimento e inovação
A complexidade no desenho de estratégias para a erradicação da pobreza implica o desenvolvimento de uma "cultura de inovação, de capacitação e de criação de conhecimento", através de um sistema integrado de parcerias com os actores públicos e privados, envolvendo redes de conhecimento e universidades. Somos "facilitadores de soluções", potenciadores da integração de vontades, recursos, valências, metodologias e ferramentas que permitam a obtenção de impactos sustentáveis, aprendizagem e replicabilidade.

Transparência e accountability
A promoção do desenvolvimento humano sustentável requer elevados padrões de exigência, qualidade e transparência.
Desenvolvemos a sua acção de forma rigorosa e transparente, assumindo uma postura de verdade e isenção em todas as comunicações internas e externas, promovendo uma "cultura de reporte e accountability", através da prestação de contas aos nossos beneficiários directos, parceiros de cooperação, financiadores e sociedade civil.
Cada avaliação é entendida como um processo de aprendizagem e melhoria constante.

Quinta, 26 Maio 2011 11:26

A nossa História

Fundada em 23 de Fevereiro de 1988, em Portugal, a Oikos – Cooperação e Desenvolvimento é uma associação sem fins lucrativos, reconhecida internacionalmente como Organização Não-Governamental para o Desenvolvimento (ONGD/INGO).

Somos uma associação ecuménica, no sentido universal, enquanto nos aliamos ao esforço de quantos, pessoas e instituições, partilham a visão de um mundo sem pobreza e injustiça, onde o desenvolvimento humano seja equitativo e sustentável à escala local e global.

Independentemente de quaisquer instituições políticas, financeiras ou religiosas, estamos sempre disponíveis para concertar a nossa acção com entidades públicas e privadas que coincidam com os nossos valores, objectivos e propósito de erradicar a pobreza e desenvolver soluções sustentáveis, para que todas as pessoas usufruam do direito a uma vida digna.

Constituição e génese


      • Em Outubro de 1986 realizou-se, na cidade da Figueira da Foz, um Seminário Internacional para ONG do Norte e do Sul da Europa, promovido pela EECOD – European Ecumenical Organisation for Development. Um grupo de Portugueses, presentes a título pessoal, são animados a traçar um projecto de constituição de uma ONG portuguesa, vocacionada para o desenvolvimento e a cooperação.
      • A 23 de Fevereiro de 1988 constitui-se juridicamente a Associação.
      • A publicação dos Estatutos em Diário da República (D.R. nº 104) acontece a 5 de Maio de 1988.
      • A Comissão Instaladora da Organização, constituída por Jardim Gonçalves, Luís de França e Guilherme Pereira, é eleita em 21 de Março de 1988.
      • A 10 de Maio de 1990 é eleita uma nova Comissão Instaladora formada por Jardim Gonçalves, Luís de França, Guilherme Pereira, Jeremias Carvalho e David Valente.
      • A primeira Assembleia-geral, com a primeira eleição dos orgãos sociais, efectuou-se a 16 de Outubro de 1991, sendo constituída por 19 associados, os cinco membros da comissão instaladora e 14 convidados.
      • Em 1992 o Governo Português, através do IPAD - Instituto Português de Apoio ao Desenvolvimento, Ministério dos Negócios Estrangeiros, reconheceu-lhe o estatuto de Pessoa Colectiva de Utilidade Pública.
      • No ano de 2000 foi atribuído à Oikos o Estatuto Consultivo junto do ECOSOC - Conselho Económico e Social   das Nações Unidas. 
Pág. 5 de 5

  

A Oikos no Mundo

Trabalhamos com comunidades de regiões e países mais pobres, promovendo a saúde pública, alimentação, água, saneamento e educação.

Onde estamos...
Onde estivemos...
 

Siga-nos

 

Participe em Ações e Eventos

Novembro 2019
D 2a 3a 4a 5a 6a S
27 28 29 30 31 1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30